“O Quente Vento do Deserto do Saara”. Para muitos, essa frase pode não fazer sentido algum, mas para Hayao Miyazaki, esse vento que se chama Ghibli seria aquele mudaria para sempre a história da animação mundial.

studio ghibli cultura japão 1

A história do Studio Ghibli se inicia na década de 70 quando Hayao Miyazaki se encontrou Isao Takahata para a produção  de um anime que se tornaria sucesso no mundo todo o anime Heidi (Heidi Arupusu no Shojo Haiji).

studio ghibli cultura japão 2

Heidi: A menina dos alpes

 

Enquanto o Sr. Takahata dirigia as séries, Miyazaki fazia um trabalho sobre-humano para conseguir desenhar o layout de cada episódio detalhadamente. Ambos perceberam que para se fazer animações de alta qualidade  como eles sempre queriam, precisariam de um tipo de mídia onde os prazos não fossem tão curtos e a pressão fosse menor como são nas séries exibidas na televisão.

 

Fotos do museu Ghibli localizado na cidade de Mitaka, distrito de Tokyo.

Fotos do museu Ghibli localizado na cidade de Mitaka, distrito de Tokyo.

A partir dai que começou a amadurecer  a ideia de se criar um estúdio para produzir filmes cuidadosamente desenhados, com enredo, qualidade e personagens cativantes, mas acima de tudo, do seu próprio jeito. Foi assim que Hayao Miyazaki, Isao Takahata e Toshio Suzuki formaram  um grande trio para produzir filmes animados do melhor jeito possível.

 

Os poderosos do Studio Ghibli

Os poderosos do Studio Ghibli

O primeiro filme do Studio Ghibli, que estreou em 1986, foi “Laputa: O Castelo no céu (Tenkû no Shiro Rapyuta)” levando 775 mil pessoas aos cinemas que diziam surpresos perante a simplicidade mas cativante história deste belíssimo filme.

 

Cenas do filme "O castelo no céu"

Cenas do filme “O castelo no céu”

Sempre inovando, 2 anos depois, o Studio Ghibli surpreendeu mais uma vez com o lançamento de dois filmes ao mesmo tempo. Para muitos estúdios, esse desafio seria impossível de se cumprir sem comprometer a qualidade e a gestão de recursos, porém o filme “Meu vizinho Totoro ( Tonari no Totoro)”, dirigido por Hayao Miyazaki, e “Túmulo dos vagalumes (Hotaru no Haka)”, de Takahata, se tornaram obras primas consideradas por muitas pessoas os melhores filmes do Studio Ghibli até hoje.

 

Cenas do filme " Meu vizinho Totoro"

Cenas do filme ” Meu vizinho Totoro”

Cenas do filme "O túmulo dos Vagalumes"

Cenas do filme “O túmulo dos Vagalumes”

Atualmente o mascote do Studio Ghibli é o perfil de Totoro.

studio ghibli cultura japão 8

A fama e reconhecimento que esses filmes trouxeram ao Studio Ghibli foi um dos grandes fatores que fez com o próximo filme atingisse um número surpreendente de expectadores. Cerca de 2,64 milhões de pessoas foram ao cinema no ano de 1989 para assistir “O Serviço de Entregas da Kiki ( Majo no Takky bin)”, fazendo com que esse fosse o filme mais visto no Japão durante aquele ano. Perante esse grande sucesso, a pequena semente que era o Studio Ghibli no inicio, agora era uma enorme árvore que crescia constantemente e que precisava de alguns ajustes. Até 1989 o Studio Ghibli não mantinha um quadro fixo de funcionários fixos e eles eram pagos por cada célula desenhada. Apesar disso ser normal na indústria da animação, fazia com que o salário do pessoal fosse muito abaixo do merecido. Assim, depois do lucro gerado por Kiki, a direção do Studio Ghibli decidiu regularizar os funcionários que passaram a trabalhar em período integral e ter um salário melhor e fixo. Além desta mudança, a direção decidiu que seriam contratados novos animadores regularmente.

 

Cenas do filme "Serviço de entregas da Kiki"

Cenas do filme “Serviço de entregas da Kiki”

Essa é uma pequena parte de uma jornada que seria marcada com grandes produções, personagens marcantes, traços simples, trilhas sonoras que jamais seriam esquecidas e acima de tudo; histórias que fariam as pessoas pensarem sobre assuntos da vida que geralmente são esquecidos. Ao que se pode dizer, o Studio Ghibli teria uma essência indescritível que cativou, cativa e continuará cativando pessoas de todas as idades.

 

Confira aqui alguns dos filmes deste grandioso Estúdio de animação:

studio ghibli cultura japão 10studio ghibli cultura japão 11studio ghibli cultura japão 12studio ghibli cultura japão 13studio ghibli cultura japão 14

 

Infelizmente o Studio Ghibli encerrou suas atividades no ano de 2014. Aparentemente agora o estúdio vai ficar em função dos seus lançamentos antigos sem nenhuma novidade por vir. Mesmo assim, a grandeza do Studio Ghibli não diminui.

studio ghibli cultura japão 15

Felipe Baros

Felipe Baros

Um jovem que gosta de games (pokemon principalmente), animes, filmes e é claro a belíssima cultura japonesa.